fbpx

Boteco do JB

Menu Close

tempero

quer ofender o cozinheiro? peça sal na mesa. restaurantes de alto nível nem saleiro tem, repare.

ora, bolas. o prato tem que vir no ponto correto de sal e tempero. a correção executada pelo cliente além de ser trabalho desagradável para o mesmo, representa uma derrota monumental para o chef.

quando comecei a comer fora, nos idos do milênio passado, era comum que temperassem a comida com um ponto a menos de sal propositalmente.

“melhor errar pra menos que dá pra consertar, né?” <= assim pensavam muitos cozinheiros munhecas e burros.

o tempo passou e nem tudo mudou.

hoje serve-se com menos sal teoricamente em prol de uma suposta alimentação saudável.

balela!

esse costume é fruto de comodismo e preguiça que geram o amadorismo. e o comensal médio cai nessa como um pato.

há também quem jogue a responsabilidade na freguesia, o que é de uma canalhice sem tamanho. quantas vezes você comeu mal e ouviu de um garçom ou cozinheiro uma baboseira do tipo as pessoas gostam assim?

mentira!

todo mundo quer apenas comer bem! só que executar um bom serviço exige que se use o cérebro.

alimentação saudável não deve ser sinônimo de prato sem sal, sem tempero, sem graça.

ervas frescas, fio de bom azeite, inúmeros tipos de especiarias, são tantas opções pra elevar o sabor da comida que dá pra passar uma vida toda praticando. e isso é tarefa exclusiva do cozinheiro. o freguês só quer comer ao menos razoavelmente sem ter que finalizar o próprio prato, já que não saiu de casa pra isso. por muitas vezes ele nem sabe consertar a comida. e tudo bem. cada um com seu cada qual.

quem quer um prato de comida gostosa não quer guerra com ninguém.

colegas, parem de tirar o gosto da nossa comida.

© 2020 Boteco do JB. All rights reserved.

Theme by Anders Norén.