fbpx

Boteco do JB

Menu Close

o vale da sombra da morte

encerrei o texto anterior mostrando certa preocupação com prováveis baixas verdes provocadas pelo meu pequeno cachorro. desde então recebo mensagens diárias me informando sobre plantas tóxicas que podem se vingar cruelmente das investidas caninas. a morte é uma via de mão dupla na relação entre cães e plantas.

até onde vale a pena manter uma relação tóxica? e se as partes envolvidas não tiverem consciência do mal que podem fazer uma a outra, apenas pelo inevitável movimento de seguir sua natureza?

até o momento desse escrito não tivemos acidentes fatais, embora eu tenha derrubado um vaso e petisco outro. tem também algo que lembra um pinheirinho com pouca inclinação ao cristianismo, já que aparentemente ele não mostra a mínima vontade de se apresentar vivão no natal.

rego as plantas em dias alternados e sempre levo um lero com o dog, o alertando sobre o perigo do vale da sombra da morte que a planta pode trazer, no que ele responde com lambidas e uma ou outra latida. que saiamos todos vivos dessa.

pendurei 3 ou 4 quadros. seguindo nesse ritmo, acabarei a função em 3 ou 4 meses. e nessa semana consegui instalar a net. em vez de escrever mais, dediquei tempo a assistir cobra kai, uma espécie de malhação com caratê que traz várias referências oitentistas toscas que adoro, com direito a muito rock farofa.

meu livro de receitas? o revisei e estou bem satisfeito com o caminho tomado. e decidi que ele terá mais um capítulo, explicando o porque do atraso, com mais receitas crônicas. nessa semana trabalharei nisso e as ilustrações feitas pelo amigo binho miranda – que fez o design dos meus 2 últimos sites, o rótulo da minha cerveja e a comunicação visual da página do canal no scarfacebook – estão lindas. só pelos desenhos, o livro já vale, garanto. de brinde, as receitas crônicas, sincera homenagem à saudosa amiga nina horta.

a mesa de trabalho está pronta e tenho em meus planos não largar esse blog que, veja só, já teve atualização diária num passado não tão distante.

que você e os seus estejam bem, pois eu estou tentando me virar.

beijos e até bem logo.

© 2020 Boteco do JB. All rights reserved.

Theme by Anders Norén.